Conheça a nova versão do antigo Flow, o Power Automate Microsoft, e automatize processos repetitivos com ajuda de robôs.

As empresas modernas possuem uma alta demanda de softwares para atender aos seus diversos processos do dia a dia. Por vezes, departamentos, e até mesmo, plantas (unidades) de negócios diferentes utilizam softwares que também não se conversam, atrasando as demandas e deixando a qualidade das execuções em descrédito.

Não é raro encontrar multinacionais com 3 ou 4 ERPs e CRM, minando o crescimento e a tomada de decisão baseada em dados. Além disso, a ação manual de tarefas em vários aplicativos pode aumentar o risco de erros e reduzir a produtividade.

Mesmo as empresas mais enxutas, sofrem por vezes com pessoas dedicadas a tarefas manuais repetitivas, que poderiam ser realizadas por um robô. Colocando em ‘check’ também o crescimento e a produtividade.

Olhando para esses dois cenários desafiadores, a Microsoft elaborou o Power Automate, uma solução que somos especializados e que será o nosso tema do Blog de hoje. Confira!

O que é Microsoft Power Automate?

O antigo Microsoft Flow transformou-se no Power Automate Microsoft, e passou a fazer parte de uma das 5 soluções da Power Platform. Ela é uma ferramenta cloud e low code para que qualquer colaborador da sua empresa possa automatizar qualquer processo repetitivo do dia a dia.

HORIZONTAL GUIA COMPLETO SOBRE POWER AUTOMATE

Quais são os recursos do Power Automate Microsoft?

Com o Power Automate Microsoft é possível criar fluxos e processos com modelos pré-definidos e de fácil personalização. De qualquer forma, fizemos um pequeno resumo das funcionalidades e recursos que você encontrará no Microsoft Power Automate:

  • Criar fluxos de trabalho e projetos, sem limitações
  • Incluir ramificação paralela, lógica condicional e loops
  • Manipular aprovações
  • Sincronizar arquivos
  • Criar notificações
  • Excluir registros
  • Coletar dados
  • Acionar diversas ações
  • Definir gatilhos e periodicidades (recorrências)
  • Gerenciar acessos e identidades
  • Proteger contra perda de dados

Quais são as suas vantagens e benefícios?

Listamos algumas das principais vantagens e dos benefícios do Power Automate para ajuda-lo a identificar se ele vai solucionar o seu problema de fato:

  • Torna os processos repetitivos mais rápidos e inteligentes.
  • Integra com mais de 800 ferramentas e tecnologias do mercado, incluindo terceiros. Além, claro, de integrar com soluções e aplicativos da Microsoft. Alguns exemplos de conectores: SAP, Salesforce, Dynamics 365, Teams.
  • Libera tempo das pessoas com tarefas repetitivas para elas focarem no que realmente importa.
  • É uma plataforma para criação de soluções orientada a dados.
  • A solução é low code / no-code. Ou seja, é possível criar aplicações sem a necessidade de programação, tornando tudo mais rápido e fácil.
  • Não é preciso grande conhecimento em programação de software para criar automações. Logo, qualquer profissional pode utiliza-lo, desde seu financeiro, marketing e rh, até mesmo o mais experiência desenvolvedor.
  • É um excelente investimento para empresas que possuem vários sistemas que “não se conversam”.
  • Muito seguro, o Power Automate traz tranquilidade quanto a proteção dos dados que são compartilhados no software.

Exemplos de uso do Power Automate

As possibilidades de uso do Microsoft Power Automate são infinitas. Vamos citar 10 exemplos, passar aqui algumas sugestões de estudo para inspira-lo:

  1. Cliente receber avisos no celular (SMS ou push) e no email sempre que seu pedido (status) se movimentar no ERP.
  2. Financeiro ser comunicado que uma NF foi emitida contra sua empresa.
  3. Equipe de Manutenção preventiva ser notificado sobre datas próximas de ações.
  4. Recebimento scanear a NF e o robô cadastro no ERP os dados.
  5. Mandar para impressão as etiquetas de postagem sempre que algum pedido é faturado.
  6. Cliente receber mensagens de cobranças ou lembretes sempre que seu pedido estiver em atraso.
  7. Disparar email de NPS (Pesquisa de Satisfação) para clientes que finalizaram a compra.
  8. Cadastrar um cliente e/ou pedido da plataforma de ecommerce no CRM/ERP.
  9.  Abrir uma solicitação de reembolso no sistema do financeiro quando um comprovante fiscal é enviado pelo aplicativo.
  10. Informar (alertas) de inconformidades.

Como ter acesso ao Power Automate?

Empresas que possuem o Microsoft 365 ou o Dynamics 365 já tem acesso ao Power Automate.
Se sua empresa não tem, é preciso comprar uma licença do Power Automate se quiser usar qualquer um dos recursos pagos.

Existe uma versão trial do Power Automate?

É possível fazer um teste gratuito de 90 dias no no botão ‘Comece gratuitamente’ dessa página.

Quer saber mais sobre?

Apresentamos um pouco a solução nesse vídeo curto:

Também recomendamos que você assista a Live que fizemos se quiser aprofundar seu conhecimento nessa introdução ao Power Automate:

Se preferir, entre em contato com os nossos Especialistas para fazermos juntos um Catalyst gratuitamente e identificar o que podemos automatizar com o Power Automate.

HORIZONTAL Diferenças entre BPM, BPMS e BPMN