JIRA Software ou Dynamics 365 Project Service Automation?

Temos nos deparado com frequência com esta pergunta. E a resposta é “Depende…”.

Em primeiro lugar, deve-se lembrar que as soluções possuem propósitos diferentes:

Por exemplo, com o Dynamics 365 for Project Service Automation você pode:

  • Gerir e qualificar leads;
  • Acompanhar a jornada do cliente, por exemplo com email marketing;
  • Gerenciar clientes (empresas) e contatos de forma integrada com o Linkedin;
  • Registrar atividades de relacionamento por meio do Outlook;
  • Acompanhar oportunidades e elaborar propostas com a colaboração do departamento de projetos, já registrando o planejamento do projeto desde o início do processo, no modelo de horas abertas, alocação ou escopo fechado;
  • Fechar propostas e gerar contratos;
  • Gerenciar sua equipe: habilidades, disponibilidade, alocação em projetos;
  • Gerenciar o andamento do projeto: cronograma, desembolso financeiro, andamento físico;
  • Registrar e aprovar timesheet da equipe;
  • Gerenciar relatórios de despesas;
  • Emitir faturas para os clientes;
  • Disponibilizar portal de autosserviço para clientes, com as informações dos projetos;
  • Analisar todo processo utilizando gráficos e dashboards customizáveis;
  • Realizar customizações mais amplas, sendo possível criar novos campos, telas, cadastros, regras de negócio, gráficos, workflows e processos empresariais sem necessidade de codificação e estender utilizando Javascript, PowerApps e .NET;
  • Beneficiar-se de toda plataforma Microsoft: Office 365, Power BI, PowerApps, Flow e Azure;
  • Na mesma plataforma, utilizar os módulos de Vendas, Atendimento ao Cliente, Serviços de Campo e Marketing.

Com o Jira Software você pode:

  • Gerenciar desenvolvimento de software utilizando Scrum (Sprints, Issues, Listas de pendências, Epics, Histórias de Usuário e Swimlanes);
  • Gerenciar desenvolvimento de software utilizando quadros Kanban;
  • Estender o Jira utilizando seu SDK (de forma bem mais limitada que na plataforma Dynamics).

Desta forma, em nossa opinião, empresas que vendem projetos em formato ágil se beneficiam da integração entre as duas aplicações, mais do que a utilização isolada de um ou outro aplicativo.

Vale lembrar que se a necessidade for apenas de gestão ágil de desenvolvimento de Software, é bom conhecer o Azure DevOps. Ele possui versões gratuitas e versão com um conjunto de funcionalidades mais amplo que o Jira Software isolado. Além disto o Smart PSA, add-on da Smart Consulting para o Dynamics 365 for Project Service Automation disponibiliza integração nativa com o Azure DevOps e em breve com o Jira Software.

Obrigado e sucesso em seus projetos!

Lançamento do Dynamics 365 para HoloLens 2

A Microsoft revelou ontem (24/2/2019) o HoloLens 2 e novo Dynamics 365 Guides.

O HoloLens 2 tem um novo sensor de produtividade, o dobro do campo de visão da versão anterior, mantendo 47 pixels por grau de visão e é mais inteligente para entender o que você está olhando, adaptando os hologramas em tempo real.

Nos Estados Unidos o HoloLens 2 custará USD 3.500.

O Dynamics 365 Microsoft Guides permite criar guias holográficos para o HoloLens 2 que permitem um treinamento mais rápido e maior eficiência em indústrias e serviços.

É uma revolução na forma de trabalhar!

Saiba mais no press release da Microsoft.

Componentes do PowerApps

A Microsoft disponibilizou em "Preview" a nova funcionalidade de criação de componentes no PowerApps.

A possibilidade de utilizar componentes vai facilitar muito o desenvolvimento em PowerApps. Será possível:

  • Economizar tempo copiando e atualizando grupos de controles utilizados em diversas páginas. É só atualizar o componente e os controles serão atualizados em todas as páginas;
  • Será possível reutilizar controles entre aplicativos;
  • Criar propriedades adicionais para a configuração dos controles.

Confira mais informações no Blog do PowerApps e nos vídeos abaixo:

Microsoft Ignite On-Demand

microsoft-ignite-2016Microsoft Ignite é o evento da Microsoft com foco em tecnologia e inovação.

Neste ano, a Microsoft dividiu o conteúdo do antigo Convergence, evento focado em Dynamics, entre o Envision e o Ignite. O Envision, que acontece entre fevereiro e abril,  passa a oferecer conteúdos de negócio e relacionamento e o Ignite, que passa a acontecer em setembro, conteúdos com foco técnico e de inovação.

Todo conteúdo do Ignite está sendo disponibilizado sob-demanda.

 

Confira neste link os vídeos das sessões a respeito do Dynamics CRM. A maioria dos conteúdos possui nível mais avançado (200 e 300).

Gartner indica Dynamics CRM Online e On-premises como líderes em Automação para Força de Vendas em 2016

A Gartner indicou o Microsoft Dynamics CRM Online e On-premises como líderes no Quadrante Mágico para Automação para Força de Vendas de 2016.

 

A Gartner destaca os seguintes pontos fortes do Dynamics CRM:

  • Rede de Parceiros Microsoft;
  • Integração com a plataforma Microsoft, com o Dynamics CRM obtendo altas notas com relação a sua interoperabilidade com o Microsoft Outlook, Office 365, Sharepoint e Skype for Business;
  • Extensibilidade: grande flexibilidade para configuração, extensão e possibilidade de customizar processos com o Azure e funções administrativas de xRM;
  • Visão de produto para Automação de Força de Vendas, de como análise avançada em Sales Force Automation – SFA se aplica à execução de vendas, com o Power BI e análise preditiva do Azure já incorporados ao Dynamics CRM. No futuro, o Microsoft Dynamics CRM Online vai unir estas capacidades com capacidades de análise de big data para produzir benchmarks de execução de vendas guiados por dados e para identificar melhores práticas de processos de vendas;
  • Experiência do cliente.

e como pontos de atenção:

  • Calendário de atualização de versões do produto (CRM On-Premises);
  • Mobile (CRM On-Premises);
  • Integração com Outlook (autenticação);
  • Mudança da arquitetura da plataforma do Dynamics CRM Online services para o Azure;
  • Necessidade de melhorar como a Microsoft vende para grandes empresas, com clientes desejando mais subsídios da Microsoft com relação a boas práticas de implementação e produto;
  • Marketplace de aplicativos mais limitado.

O próximo passo para Dynamics e Office 365

Microsoft to acquire LinkedIn

This deal is the next step forward for Office 365 and Dynamics as they connect to the world’s largest and most valuable professional network. In essence, we can reinvent ways to make professionals more productive while at the same time reinventing selling, marketing and talent management business processes.1

Satya Nadella

Segundo o CEO da Microsoft, Satya Nadella, a aquisição do Linkedin é o próximo passo para a integração do Office 365 e Dynamics com redes sociais profissionais. Será possível reinventar a formas de tornar profissionais mais produtivos e ao mesmo tempo reinventar processos de venda, marketing e gerenciamento de talentos. Leia mais